COMUNICADO DE IMPRENSA


No. 13/08

 

CIDH APRESENTA DEMANDA ANTE A CORTEIDH

  

Washington, 1º de abril de 2008 – A Comissão Interamericana de Direitos Humanos (CIDH) apresentou uma demanda ante a Corte Interamericana de Direitos Humanos (CorteIDH) em 15 de março de 2008 contra os Estados Unidos Mexicanos.

 

A CIDH interpôs a demanda ante a CorteIDH contra o México no caso No. 12.511, referente a Rosendo Radilla Pacheco, que foi detido ilegalmente por um retém militar do Exército no Estado de Guerrero, em 25 de agosto de 1974. O caso refere-se ao seu desaparecimento forçado, à falta de esclarecimento sobre seu paradeiro, à impunidade em que se encontram os fatos, e à falta de reparação de seus familiares pelos danos decorrentes da perda de um querido e da prolongada denegação de justiça. Esse é o primeiro caso do México que a CIDH leva ao conhecimento da CorteIDH a respeito dos crimes do passado contra pessoas vinculadas a movimentos sociais e políticos.

 

A Presidência do México criou, em novembro de 2001, um Comitê Interdisciplinar para a Reparação do Dano a Vítimas ou Ofendidos por Violações aos Direitos Humanos de Indivíduos Vinculados a Movimentos Sociais e Políticos do Passado, que analisou o caso do senhor Radilla Pacheco em março de 2008. O caso foi remetido à CorteIDH porque a Comissão considerou que o Estado não cumpriu as recomendações substantivas contidas no relatório de mérito, aprovado pela CIDH em conformidade com o artigo 50 da Convenção Americana sobre Direito Humanos. Para adotar essa decisão, a Comissão considerou os critérios estabelecidos pelo artigo 44 do seu Regulamento.

 

Links úteis:
Informe de admissibilidade do Caso 12.511
em espanhol e em inglês.

 

 

Contato de imprensa: María Isabel Rivero,

Tel. +1 (202) 458-3867

Cel. +1 (202) 215-4142

Correio eletrônico: mrivero@oas.org

 

Para inscrever-se na lista de distribuição automática de comunicados de imprensa da CIDH, por favor, insira seu endereço de correio eletrônico no formulário disponível na página da CIDH na Internet, onde se lê “lista de distribuição” (ao final da página).